Notícias

Notícias

Taxas fututas de juros rondam estabilidade com Campos Neto no radar

Por
Agência Brasil

Os juros futuros rondam a estabilidade nesta manhã, em um ambiente de dólar e petróleo em baixa, mas juros dos Treasuries em alta, enquanto o mercado acompanha o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, que iniciou palestra em evento sobre criptomoedas há pouco. Na próxima semana o BC realiza sua reunião de política monetária.

O mercado também olhou o relatório Focus, com parcial das projeções, após ao redor de um mês sem divulgações.

A mediana das estimativas do mercado para IPCA de 2022 é de 8,89% e para 2023, de 4,39%. A Selic para fim de 2022 segue em 13,25% ao ano e para 2023 é de 9,75%. A projeção para o PIB de 2022 é de alta de 1,20% e para 2023, alta de 0,76%.

Às 9h28, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2027 marcava 12,29%, de 12,31% no ajuste anterior.

O DI para janeiro de 2025 exibia taxa de 12,42%, de 12,43%, e o para janeiro de 2024 estava em 13,03%, de 13,02%.

O vencimento para janeiro de 2023 batia mínima de 13,430%, mesma taxa do ajuste de sexta-feira.