FinançasNotícias

Ibovespa sobe com cenário externo; mercado analisa IPCA e espera Powell

3 Minutos de leitura
A tentativa de recuperação dos mercados de ações internacionais e alta das commodities impulsionam o Ibovespa, que busca recuperar perdas recentes, renovando máximas na faixa dos 102 mil pontos. Ontem, ao fechar em queda de 0,75%, aos 101.945,20 pontos, o índice Bovespa acentuou a desvalorização semanal para 2,74%.

O mercado espera a sabatina do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), Jerome Powell, ao meio-dia (horário de Brasília). Na participação, investidores tentarão buscar sinais sobre se de fato os juros começarão a subir em março nos EUA e qual será a dose. Enquanto isso, o dólar cede ante o real, o que se reflete nos juros futuros, a despeito do resultado acima do esperado do IPCA.

“Devemos perceber muita volatilidade até que o Powell fale”, diz Igor Duarte, especialista em renda variável da Blue3. “O mercado recebeu o IPCA um pouco estressado, mas vale lembrar que nesta época do ano a liquidez é reduzida o que contribui para a indefinição”, afirma, completando, contudo, que momentos de volatilidade podem também serem vistos como oportunidades.

Apesar da alta do índice à vista, o futuro abriu em queda e continua cedendo. O mercado avalia o IPCA de dezembro, que desacelerou a 0,73% (de 0,95% em novembro, mas superou a mediana de 0,65% na margem e na comparação do ano, de 10%, ao ficar em 10,06%. Além disso, houve aceleração nas medidas de núcleos do IPCA no último mês do ano, o que reforça o quadro de preocupação com a inflação neste momento de incertezas em torno da velocidade da alta dos juros americanos e acerca da covid-19 no mundo e aqui.

O resultado, avalia Eduardo Cubas, sócio e diretor da Manchester Investimentos, mostra que o mercado e as autoridades superdimensionaram o poder de retroalimentação da inflação ao longo das cadeias logísticas de produção. “Isso tem acontecido de forma consistente. Bateram no processo de que seria temporário, mas não”, avalia, lembrando que a Manchester já defendia a tese de que essa fase não seria passageira. “Deixa uma inércia importante, apesar de boa parte já ter sido precificada”, indicando que a Selic deve terminar o ciclo com alta entre 11,5% e 12%.

A despeito da expectativa de que Powell repita hoje o discurso divulgado ontem, de que continuará atuando para conter a inflação, espera-se que o presidente do Fed comente sobre a especulação de que o BC americano poderá antecipar a alta de juros para março e a um ritmo mais rápido, na tentativa de conter pressões inflacionárias. Isso pode acontecer sobretudo na parte de perguntas e respostas, o que será acompanhado com afinco para ver o tom usado pela autoridade monetária.

“Por exemplo, o início do processo de normalização dos juros, o seu ritmo, a visão de Powell sobre a necessidade de se reduzir o balanço do Fed. Obviamente, uma mensagem mais hawkish reverterá o movimento de recuperação dos ativos de risco”, avalia em nota a MCM Consultores.

Hoje, em discurso, a presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, reforçou preocupação com a inflação. Além disso, a taxa anual de inflação ao consumidor (CPI) dos países que integram a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) acelerou para 5,8% em novembro de 2021, atingindo o maior nível desde maio de 1996.

Ao mesmo tempo, no Brasil, as questões fiscais prosseguem no radar, e a tensão entre o governo e os servidores públicos sobre aumentos salariais está longe de acabar, na avaliação da Eurásia. Ontem, o ministro da Economia, Paulo Guedes, se manifestou contrário à concessão de aumento salarial para o funcionalismo federal em 2022.

Na seara corporativa, apesar do avanço das chuvas pelo País, especialmente em Minas Gerais, continua a exigir atenção e a desafiar empresas que têm usinas instaladas nesses locais, onde há uma série de desabamentos e complicações por causa da intempérie, as ações de mineraçãoe siderurgia sobem.

O suporte vem da valorização do minério de ferro, de 2,74%, no porto chinês de Qingdao. Além disso, há sinais de melhora da economia chinesa. As vendas de carros na China voltaram a cre

Às 10h46, o Ibovespa subia 0,25%, aos 102.196,25 pontos, ante máxima diária aos 102.597,68 pontos (alta de 0,64%). Vale ON tinha elevação de 1,25%; Usiminas PNA, de 4,75%; e CSN ON, de 1,65%. Já B3 cedia 1,61%, após a empresa divulgar resultados de dezembro e de 2021. Por exemplo, o volume financeiro médio diário da B3 foi de R$ 29,846 bilhões naquele mês, queda de 15,7% na comparação com dezembro de 2020 e de 6,4% sobre novembro. O número de investidores ativos chegou a 5,013 milhões, alta de 53,7% ante dezembro de 2020.