EmpresasNotícias

Insumos agrícolas: com compra da Agrocat, Agrogalaxy chega a 144 lojas

2 Minutos de leitura
A AgroGalaxy, uma das maiores redes de revendas de insumos agrícolas do Brasil, controlada pelo fundo Aqua Capital, concluiu nesta segunda-feira (10) a compra de 80% da participação societária da Agrocat Distribuidora de Insumos Agrícolas, empresa com forte atuação no oeste de Mato Grosso e Rondônia e que nos doze meses encerrados em novembro acumulava uma receita de R$ 1,2 bilhão. Com sede em Tangará da Serra (MT), a Agrocat soma 11 lojas à Agrogalaxy, que já tinha 133 unidades, e permite à companhia não só estrear no Estado de Rondônia como ingressar em áreas de Mato Grosso.

“Com a Agrocat entramos em uma região totalmente nova para nós, que é o oeste de Mato Grosso. Já estamos no Estado, mas no Vale do Araguaia, no leste, e agora vamos para o oeste, além de Rondônia, que é novo para nós”, disse ao Broadcast Agro, do Grupo Estado, o diretor Financeiro e de Relações com Investidores da AgroGalaxy, Mauricio Pulliti. “Seguimos na nossa estratégia de continuar fazendo aquisições principalmente em regiões onde não temos presença e nas quais seria muito mais difícil entrar de maneira orgânica (abrindo lojas). O M&A (fusão ou aquisição) para nós é um começo e não um fim, pois, por meio dele, compramos uma operação com um time de gestão que conhece a região e acelera muito a expansão e abertura de novas lojas. É o que esperamos fazer nessa região de Mato Grosso e Rondônia”, continuou.

A Agrocat trará um faturamento de R$ 1,2 bilhão – R$ 845 milhões provenientes da venda de insumos agrícolas e o restante, da comercialização de produtos agrícolas. Com ela virão também aproximadamente mil clientes, que cobrem uma área de cerca de 4 milhões de hectares em 93 municípios de Mato Grosso e Rondônia, bem como a possibilidade de atender produtores do Acre. Além das 11 lojas, a empresa conta com três armazéns para grãos, com capacidade estática total de 60 mil toneladas, e uma equipe de mais de 150 pessoas, das quais 40 consultores técnicos de vendas, diz o vice-presidente de operações Norte/Centro-Oeste da AgroGalaxy e que comandará a operação da Agrocat, Marco Teixeira.

“É uma empresa grande, com mais de duas décadas, um dos principais players da região e que segue toda a nossa cartilha para aquisição: ter um tamanho mínimo, sem estresse financeiro, gestão profissional forte e equipe comercial e técnica diferenciada”, afirmou Teixeira. Pelo contrato de compra e venda de ações, a AgroGalaxy pagará aproximadamente R$ 195 milhões pelos 80% da participação societária na Agrocat, R$ 15 milhões a mais do que os R$ 180 milhões informados no anúncio da compra, no início de setembro. Os três sócios da empresa seguirão no time de gestão por no mínimo dois anos.

A Agrocat entrará na onda de expansão que a diretoria da AgroGalaxy planeja para 2022. Com 144 lojas atualmente, incluindo as 11 que virão da rede de Tangará da Serra, a empresa abrirá pelo menos mais 15 lojas neste ano, podendo chegar a 20, segundo Pulliti. As novas revendas serão abertas nas diversas regiões de atuação da AgroGalaxy, no Sudeste, Sul e “grande parte” no Centro-Oeste, conta o executivo.

No número não estão incluídas outras lojas que devem ser abertas no perímetro de negócios da Agrocat, cujas localidades serão definidas em breve. “Pelo nosso histórico, no mínimo dobramos o número de lojas que as empresas adquiridas tinham, em um prazo médio de dois a três anos”, sinalizou Pulliti.