EmpresasNotícias

Águas do Brasil e Aegea sinalizam interesse em novo leilão de saneamen

1 Minutos de leitura
O novo leilão de concessão de parte dos serviços de água e esgoto prestados pela Cedae, a estatal fluminense, atraiu interesse de, ao menos, duas empresas até o momento: Águas do Brasil e Aegea. As companhias agendaram visitas técnicas às instalações de água e esgoto incluídas na concessão, etapa fundamental da segunda fase da concessão de saneamento, informou o governo do Estado do Rio.

O leilão está previsto para 29 de dezembro, com lance mínimo de R$ 1,16 bilhão. A área a ser concedida abrange parte da capital fluminense (bairros da zona oeste) e mais 20 municípios do interior.

O investimento total previsto em obras é de R$ 4,7 bilhões em 35 anos de concessão. O edital da licitação foi divulgado na segunda-feira passada, durante evento no Palácio Guanabara, sede do governo do Rio de Janeiro.

“Ter duas grandes potências agendando visitas um dia após o lançamento do edital mostra que estamos no caminho certo”, acredita Nicola Miccione, secretário de Estado da Casa Civil do Rio.

Segundo o governo, as empresas interessadas no leilão podem conhecer, durante as visitas técnicas, instalações como estações de tratamento de água e esgoto, localizadas nos municípios que participam da concessão, além de outros equipamentos. As visitas são importantes para que as empresas possam estruturar seus projetos e formular suas propostas para o leilão.

Em abril, o governo do Rio ofertou quatro blocos de concessão de serviços de água e esgoto prestados pela Cedae. Naquele leilão, os blocos 1, 2 e 4 foram arrematados por R$ 22,6 bilhões, o dobro do previsto. Naquela primeira fase, foram realizadas cerca de 3.500 mil visitas técnicas, por grandes empresas nacionais e internacionais, segundo o governo do Rio.