FinançasNotícias

Dólar ultrapassa R$ 5,48 em linha com exterior após dados dos EUA fortes

1 Minutos de leitura
O dólar renovou máxima a R$ 5,4882 no mercado à vista, acompanhando o fortalecimento da moeda norte-americana ante pares principais e divisas emergentes no exterior, como peso mexicano, após alta nas vendas no varejo e da produção industrial dos Estados Unidos em outubro acima do esperado, afirma o diretor Jefferson Rugik, da corretora Correparti.

Além disso, o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) de St. Louis, James Bullard, que deverá votar nas decisões do Fed em 2022, argumentou hoje que o BC dos Estados Unidos pode ter de conduzir uma inflexão “hawkish”, em sua política monetária.

Durante entrevista à Bloomberg, ele afirmou que o Fed pode ter de apressar um pouco o processo de redução nas compras de bônus (“tapering”), para um corte nessas compras de US$ 30 bilhões ao mês, encerrando-o no fim do primeiro trimestre de 2022. Ele também mencionou como eventual alternativa uma alta de juros antes do encerramento do tapering.