EconomiaNotícias

Tribunal da UE mantém multa antitruste de US$ 2,8 bilhões contra o Google

1 Minutos de leitura
O Tribunal Geral da União Europeia (UE), em Luxemburgo, manteve uma decisão antitruste contra o Google, com multa de US$ 2,8 bilhões para a empresa no caso. A corte deu seu endosso para uma decisão de 2017 de reguladores do bloco de que o mecanismo de buscas online da Alphabet havia desrespeitado leis antitruste, ao direcionar usuários para seus próprios anúncios de comparação de compras, em detrimento de concorrentes.

Em uma vitória menor para o Google, o tribunal retirou um dos quesitos do caso da UE, dizendo que os reguladores não provaram que a conduta do Google distorceu a concorrência entre os mecanismos de busca em geral. Mas referendou a conclusão de que houve efeitos deletérios no estreitamento do mercado de mecanismos de busca para comparação de compras online, além de reafirmar o valor da multa.

Uma porta-voz do Google disse que era cedo para dizer se a companhia apelará no mais alto tribunal da UE. A decisão de hoje é uma vitória para Margrethe Vestager, vice-presidente executiva da Comissão Europeia que lidera esforços para coibir excessos de gigantes de tecnologia. Fonte: Dow Jones Newswires.