EconomiaNotícias

Anatel faz cerimônia de leilão 5G com Bolsonaro, ministros e Lira

1 Minutos de leitura
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) realiza na manhã desta quinta-feira, 4, uma cerimônia com autoridades antes da sessão de leilão da tecnologia 5G, que deve ocorrer logo após o evento. Além do presidente da República, Jair Bolsonaro, estão presentes os ministros da Economia, Paulo Guedes, da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, das Comunicações, Fabio Faria, da Casa Civil, Ciro Nogueira, e o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL).

Em discurso de abertura, o presidente da Anatel, Leonardo Euler de Morais, afirmou que o órgão entregará nesta quinta-feira o “elemento essencial” para o desenvolvimento da sociedade brasileira.

“A 5G irá remodelar a sociedade e os meios produtivos. Não se trata apenas de aumento de velocidade, a tecnologia de 5 geração tem outras facetas”, disse ele.

Será o maior leilão já realizado pela Anatel, podendo movimentar R$ 49,7 bilhões. Desse total, R$ 10,6 bilhões são outorgas pelas faixas e R$ 39,1 bilhões em compromissos de investimentos na implementação das redes.

As faixas leiloadas – 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHZ – servirão tanto para ativar o 5G, quanto para ampliar o 4G.

O certame terá propostas de 15 grupos, entre empresas e consórcios, interessados nas frequências que serão licitadas pela agência, entre elas Claro, Vivo e TIM, as maiores teles, além da mineira Algar e da paranaense Sercomtel e dez empresas de menor porte.