Educação Financeira

5 tipos de investimentos para saber onde investir 5 mil reais

8 Minutos de leitura

Você já conquistou uma pequena quantia na fase de acumulação e agora tem um montante mas precisa descobrir onde investir? Então continue essa leitura.

Certamente você já ouviu falar que fazer investimentos é um hábito exclusivo daqueles que possuem muito dinheiro? Se você já falou com alguém sobre este assunto em algum momento, certamente, já deve ter se deparado com este grande mito envolvendo os investimentos financeiros.

Graças à educação financeira, no entanto, muitos brasileiros estão se conscientizando sobre as inúmeras oportunidades de investimento disponíveis no mercado – que vão muito além da caderneta de poupança. Afinal, hoje já é possível investir em produtos como o Tesouro a partir de R$ 30.

Para quem já dispõe de um montante um pouco maior para investimentos ou pretende acumular um valor mais expressivo para fazer aportes no mercado, há ainda mais opções – desde investimentos mais seguros até produtos de maior risco, que podem entregar ao investidor uma rentabilidade mais elevada. Quem possui 5 mil reais para investir, por exemplo, tem à sua disposição um bom leque de opções no mercado brasileiro.

Abaixo, você conhecerá 5 tipos de investimentos para investir 5 mil reais no mercado financeiro que lhe permitirão criar – ou mesmo ampliar – sua carteira de investimentos. Continue a leitura e confira!

Onde investir 5 mil reais?

Como você já sabe, há uma ampla oferta de produtos de investimento no mercado financeiro nacional, disponível para qualquer investidor que possua um CPF válido e uma conta para investimentos em corretora ou banco.

Os investimentos foram constituídos para atender a todos os tipos de perfis existentes. Tanto para pessoas que não querem arriscar perder muito do seu patrimônio, tanto para aquelas que não tem receio de arriscar e quer garantir o máximo de rentabilidade que algum investimento tem para oferecer e ainda para aqueles “meio-termo”, que gostam de arriscar, mas não querem perder muito do seu patrimônio.

Entre as opções de investimentos para aplicar 5 mil reais, há inúmeras oportunidades que vão desde produtos mais seguros, até opções de investimentos de maior risco.

A seguir, você confere 5 destas opções – que poderão ou não compor sua carteira de investimentos a partir de agora. Acompanhe o conteúdo e descubra se algum destes investimentos está alinhado ao seu perfil de investidor e aos seus objetivos pessoais.

1. Títulos do Tesouro

São títulos de dívidas emitidos pelo governo federal para financiamento das despesas internas do Brasil. Os títulos do Tesouro são considerados os investimentos mais seguros do país – e podem ser uma excelente opção para investir 5 mil reais.

São três os tipos de títulos do Tesouro que podem ser escolhidos pelo investidor: o Tesouro Selic, cujo rendimento está atrelado à taxa Selic, o Tesouro IPCA+, cuja rentabilidade é vinculada ao IPCA (inflação), acrescida de um percentual previamente definido, e o Tesouro Prefixado, cuja rentabilidade é estabelecida no momento do investimento.

Funciona da seguinte forma: uma pessoa, seja física ou jurídica, por intermédio de uma corretora, entra no site do Tesouro Direto através da plataforma e compra títulos que estão à disposição pelo governo federal. Significa dizer que o investidor emprestará o dinheiro ao governo e em troca, pelo prazo definido na hora da compra do título, o investidor receberá seu capital investido acrescido dos juros.

Os títulos do Tesouro possuem liquidez diária e, em caso de necessidade, o investidor pode resgatar o valor investido de maneira rápida e simples. É preciso se atentar, no entanto, à possibilidade de perdas financeiras caso você resgate seu título antes do vencimento – sobretudo os títulos de prazo maior, cujos preços costumam ter alta volatilidade no mercado até a data de vencimento.

Sobre a rentabilidade das aplicações feitas em Tesouro há incidência de Imposto de Renda. A alíquota do imposto varia de 22,5% a 15% sobre o rendimento, de acordo com o tempo investido. Quanto mais tempo você deixar o dinheiro investido, menor tende a ser a alíquota de imposto devida.

2. Certificado de Depósito Bancário (CDB)

Assim como os títulos do Tesouro, os Certificados de Depósito Bancário (CDBs) são bastante conhecidos entre os investidores. Emitidos por bancos, estes títulos privados de renda fixa costumam ser escolhidos por investidores que buscam opções mais rentáveis que a poupança – e igualmente seguras.

Como ocorre com a poupança, o CDB conta também com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que garante ao investidor o montante investido em CDBs em caso de falência da instituição bancária. Esta garantia, entretanto, é limitada à soma geral de R$ 250 mil por CPF por instituição financeira, em um limite global de R$ 1 milhão, restabelecido a cada quatro anos.

A rentabilidade do CDB costuma estar atrelada a um determinado percentual do CDI – o principal índice de referência da renda fixa. Em geral, quanto maior o tempo de aplicação, maiores costumam ser os rendimentos oferecidos àqueles que investem em CDBs.

Atualmente, é possível encontrar CDBs com liquidez diária no mercado, mas a ampla maioria dos títulos oferecidos pelas instituições financeiras tem um vencimento previamente estabelecido – e são nestes títulos onde o investidor poderá encontrar rentabilidades mais atrativas. Assim como o Tesouro, há incidência de IR sobre a rentabilidade dos investimentos em CDB – cujo percentual varia e 22,5% a 15%.

3. Letra de Crédito Imobiliário (LCI)

Quem procura investir 5 mil reais pode considerar também fazer aportes em LCI (Letras de Crédito Imobiliário). Estes títulos de renda fixa – emitidos por bancos possuem lastro em créditos do setor imobiliário – têm como um importante diferencial em relação a títulos como o CDB a questão da tributação. Isso porque, diferente do CDB, não há incidência de IR nos investimentos em LCIs.

A rentabilidade do LCI pode ser pré ou pós-fixada – comumente atrelada, neste caso, ao CDI. Quanto à liquidez, é importante que o investidor tenha em mente que, assim como ocorre com a maioria dos CDBs, os aportes em LCIs só podem ser resgatados no momento do vencimento do título.

Para quem busca por segurança na hora de investir, uma outra informação é fundamental quando o assunto é LCI: assim como os CDBs, este título privado também conta com a proteção do FGC em caso de falência da instituição financeira.

No caso das LCI/LCA, não existe cobrança de imposto de renda, ou seja, o rendimento que o investidor obtiver será líquido para ele.

4. Letra de Crédito do Agronegócio (LCA)

As Letras de Crédito do Agronegócio (LCAs) são idênticas às LCIs quanto às principais características do investimento – como tributação, segurança e liquidez. A diferença é que, no LCA, os títulos emitidos por bancos possuem lastro em créditos do setor do agronegócio.

A diferença do lastro, no entanto, não faz da LCA mais ou menos segura que o LCI. Ambos os investimentos são protegidos pelo FGC e podem ser boas opções para quem busca tipos de investimentos para inserir 5 mil reais – seja para formar ou para ampliar o portfólio de investimentos.

5. Fundos de investimento

Fundos de investimento são grupos de investimento onde existe a figura de um administrador. Essa figura recebe aportes de várias pessoas que planejam investimentos, como se fosse um grupo, compra títulos para o fundo de acordo com uma política de investimento pré-definida e realiza as operações de compra e venda.

Enquanto seu dinheiro estiver mantido no investimento, você vai ganhar rendimentos de acordo com o valor aportado. Em caso de resgate, o administrador vende alguns títulos comprados e paga a rentabilidade devida. Os fundos de investimento são modalidades interessantes para quem busca opções para investir 5 mil reais.

São inúmeras opções de fundos disponíveis no mercado, que vão desde os fundos mais seguros – como, por exemplo, os fundos que investem em títulos do Tesouro, até os fundos de ações – mais voláteis, que também oferecem a oportunidade de melhores rentabilidades.

Existem, ainda, os famosos fundos multimercados – cujas estratégias e portfólio variam de fundo para fundo.

A liquidez dos fundos de investimento varia de acordo com o fundo, bem como a tributação: sobre os fundos de ações, por exemplo, há tributação de 15% sobre os rendimentos, enquanto fundos de longo prazo seguem a tributação regressiva – muitas vezes, com a incidência do come-cotas. Vale destacar que esta modalidade de investimento também permite que o investidor diversifique sua carteira de investimentos a partir de um único investimento.

Normalmente, são opções pouco mais arriscados pois não possuem garantia do FGC, em caso de falência do banco de custódia, o dinheiro não terá como ser devolvido ao investidor.

Previdência Complementar

Além dos perfis de investimento citados logo acima, existem também produtos que atendem a um público que buscam uma estabilidade para a aposentadoria. Para aqueles que desejam manter seu investimento por longos períodos visando aposentaria.

A previdência complementar é um ótimo negócio, pois, como o próprio nome já diz, ela serve para complementar a previdência social do INSS. Existem dois tipos de previdência, o PGBL e o VGBL. Ambos são planos que diferem apenas no regime de tributação, no caso do PGBL, permite deduzir na declaração completa de Imposto de Renda até 12% da sua renda tributável anual.

Ao contratar o plano, você pode escolher entre duas tabelas diferentes de imposto, tem a tabela progressiva e a tabela regressiva de IR, usadas para resgates de curto prazo e longo prazo respectivamente.

São grandes as possibilidades de investimento que o mercado financeiro oferece. No geral, para todo o tipo de perfil, existem um investimento adequado para ser seguido.

Diversificação

Dentro todo o leque de opções que fica disponível para qualquer player do mercado fica difícil decidir qual a melhor a se usar. Mas aí é que está, você pode diversificar seus investimentos alocando-os da melhor maneira que se enquadre dentro do seu perfil de investidor.

É muito comum não sabermos por onde começarmos, é por isso que os especialistas da Vai Investir estão sempre disponíveis para alocar seus investimentos da melhor forma. Te suprindo nas suas necessidades de curto, médio e longo prazo.

Atenção aos riscos e liquidez!

A decisão de investimento do investidor que busca formar ou ampliar sua carteira de ações deve estar sempre alinhada ao seu perfil do investidor – e, consequentemente, aos riscos aos quais o investidor está disposto a correr – e às suas necessidades quanto à liquidez do investimento, que podem variar de acordo com seus objetivos e planejamentos pessoais.

Portanto, antes de escolher os tipos de investimentos para investir 5 mil reais ou outra quantia, não deixe de considerar os riscos envolvidos nas operações e a questão da liquidez. Alinhando suas decisões de investimento aos seus objetivos pessoais e à sua tolerância a riscos, ficará muito mais fácil compor uma carteira de investimentos mais sólida e acumular mais dinheiro ao longo do tempo.

Quer entender quais são as melhores opções de investimentos de acordo com seu perfil de investidor? Ter assistência para investir com segurança, mas sem renunciar à autonomia em suas decisões?

Preencha o formulário abaixo para falar com os assessores da Valor Investimentos – uma assessoria há mais de 15 anos no mercado, com escritórios em 5 estados do País e especialistas experientes com grande experiência de mercado.

Posts relacionados
Análise & OpiniãoEducação Financeira

Praticar tênis é uma aula de investimento

10 Minutos de leitura
Sempre gostei de praticar esportes e, de certa forma, sempre me identifiquei ora mais, ora menos com alguns perfis de determinados esportistas….
Educação Financeira

Juros simples: como utilizar a fórmula para calcular?

4 Minutos de leitura
Você já deve ter ouvido falar em juros simples, não é mesmo? Saber o conceito e como calcular esta taxa é importante…
AçõesEducação Financeira

O que é home broker e como funciona essa ferramenta?

4 Minutos de leitura
Quando se fala em investir na bolsa de valores, uma das primeiras informações que se deve saber é o que é um…

Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email: