AçõesAnálise & Opinião

Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

11 Minutos de leitura
neogrid ngrd3 Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Você quer conhecer a Neogrid (NGRD3)? Como esta empresa de soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos (Supply Chain Management), aumentando a disponibilidade de produtos nos pontos de venda ao mesmo tempo em que reduz excessos de estoque?

Nosso colunista e colaborador Breno Bonani sócio e analista da VGR Asset, traça uma análise completa da Neogrid.

Aliás,  todos sabemos que o ritmo do consumo é intenso. Milhares de produtos precisam estar disponíveis nas prateleiras de incontáveis pontos de venda. Na quantidade adequada e no momento certo, sem faltas e excessos. Precisam girar para atender a demanda.

É para colocar a cadeia de suprimentos nesse ritmo que a Neogrid (NGRD3) existe. Ou seja, ela conecta empresas, da produção ao consumidor final, Organizando a distribuição de mercadorias, entregando decisões mais inteligentes e construindo redes onde todos ganham.

Confira, abaixo, esta análise!

Sumário

História da Neogrid (NGRD3)

Como a Neogrid faz seu trabalho?
O que de fato a Neogrid soluciona para os seus clientes?

Histórico de resultados e resultado do 1T21

Histórico de aquisições e aquisição da Smarket em 2021

Perspectivas do setor

Estratégias de crescimento

Fatores de Riscos

Valuation e conclusão

neogrid Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

História da Neogrid (NGRD3)

A Neogrid nasceu em 1999, em Joinville-SC, a partir do ideal de Miguel Abuhab, seu fundador, de construir uma rede colaborativa para gerir o fluxo de informações e processos entre empresas, conectando a indústria e o varejo de bens de consumo.

Sendo assim, hoje, ela é uma empresa de Software as a Service (SaaS), data e tecnologia que resolve os principais desafios da cadeia de suprimentos.

Com soluções que integram e sincronizam as operações de indústrias, distribuidores e varejistas, a Neogrid garante que os produtos sejam bem distribuídos, dimensionados e alocados. Aumenta, assim, a eficiência dos clientes, reduzindo os altos custos com desperdícios e as faltas e excessos de estoque, liberando capital de giro.

Atualmente, são mais de 37 mil indústrias, 5 mil distribuidores e 230 grandes redes varejistas que representam milhares de lojas físicas, distribuídos em todo o país e internacionalmente.

Basicamente toda cadeia de suprimentos pode participar da rede da Neogrid, desde fabricantes de matérias primas, as manufaturas de bens de consumo, os distribuidores, varejistas, comércios online, bancos e até mesmo o governo.

Como a Neogrid faz seu trabalho?

A plataforma Neogrid captura, organiza e analisa volumes massivos de dados dos milhares de participantes da rede Neogrid. Essas informações são traduzidas em interfaces user-friendly que suportam e automatizam de forma inteligente as tomadas de decisão das empresas.

Para que isso aconteça, a companhia utiliza “big data”, sistemas de “machine learning”, APIs de integração e uma infraestrutura 100% nuvem (Microsoft Azure).

O que de fato a Neogrid soluciona para os seus clientes?

A companhia possui um portfólio de soluções bem completo e modular, permitindo diversas opcionalidades para os seus clientes.

Primeiro, vamos comentar sobre soluções para as indústrias:

  1. Integração

. Recebimento de pedidos de compras dos varejos e distribuidores (EDI);
. Emissão de documentos fiscais eletrônicos aos varejos e distribuidores;
. Emissão de cobranças bancárias e recebimentos (EDI).

2. Ativação de demanda

. Data analytics sobre o desempenho dos produtos nas redes de varejos;
. Data analytics sobre o desempenho de vendas nos distribuidores autorizados;
. Gestão operacional sobre o processo de trade marketing nas lojas físicas dos varejos.

3. Reposição

. Planejamento de vendas e operações (S&OP);
. Agendamento do envio de mercadorias aos varejos e distribuidores;
. Otimização da distribuição de mercadorias (DRP);
. Automação do abastecimento aos varejos e distribuidores (VMI).

Agora, as soluções para Varejistas e Distribuidores:

  1. Integração

. Realização de cotações de compras com fornecedores do mercado (Sourcing);
. Envio de pedidos de compras para fornecedores (EDI);
. Recebimento de documentos fiscais eletrônicos dos fornecedores;
. Pagamentos e extratos bancários (EDI).

2. Ativação de demanda

. Data analytics sobre o desempenho dos produtos nas lojas.

3. Reposição

. Agendamento de docas para recebimento de mercadorias dos fornecedores;
. Otimização da distribuição de mercadorias e abastecimentos das lojas (DDR);

Observação: todas as soluções da Neogrid se interconectam de alguma forma, o que fornece alto potencial de cross-sell e up-sell. Por ser um portfólio modular e de rápida integração, os contratos podem ser facilmente expansíveis com soluções adicionais. Quanto mais soluções ativadas, mais otimizada se torna a operação da empresa.

neogrig inovacao Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Histórico de resultados e resultado do 1T21

 A maior parte da receita da companhia provém de mensalidades pela utilização de seus softwares que correspondem à receita bruta de manutenção do uso dos softwares e royalties, as quais compuseram 95,07%, 91,47%, e 90,85% da receita bruta operacional da companhia nos exercícios sociais encerrados em 31 de dezembro de 2020, 2019, 2018 respectivamente.

Sendo que os segmentos de Bens de Consumo (CPG), Farmacêutico, Casa e Construção, Eletroeletrônicos e Fashion (moda e calçados) representam a maioria dos clientes da base atual da Neogrid.

A receita do ano de 2017, saiu de R$ 163 milhões para R$ 212 milhões em 2020, um crescimento médio de 9%. O que é muito modesto, tendo em vista ser uma companhia “tech” que precisa crescer em número de clientes e ganhar mais escala.

Pela perspectiva do Lucro Líquido da companhia, este cresceu de 2017 para 2020 a uma média 23%. O que não é nada mal. Sendo que o EBITDA cresceu no mesmo período a um média de 44%.

Olhando para o resultado de 2021, a receia líquida ficou em R$ 58,4 milhões, ou seja, alta de 15,2% frente ao 1T20. O ARR foi R$ 228 milhões em março/21, obtendo um crescimento orgânico de 16% e uma adição inorgânica de 2% com a aquisição da Smarket.

neogrid receita anual Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: Press Release 1T21 Neogrid

O crescimento de receita seguiu a dinâmica de expansão da Companhia, mantendo um elevado tempo médio de contratos ativos junto aos clientes, além de explorar oportunidades de expansão tanto com aquisição de novos clientes, quanto em operações de cross e up-sell entre a malha de empresas conectadas.

No entanto, as margens brutas se viram um pouco mais pressionadas durante o trimestre, uma vez que CSP (Custo dos Serviços Prestados) cresceu 21,6% em relação ao 2T20. O que jogou as margens da companhia para 67,7% ante 69,4%. Contudo, ainda continua uma boa margem.

neogrid lucro bruto.jpg Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: Press Release 1T21 Neogrid

SG&A cresceu levemente, alta de 7,7%, ficando em R$ 28,9 milhões. Isso resultou em um Lucro Operacional de R$ 10,5 milhões, alta de 27,7% frente ao mesmo período anterior.

O endividamento está muito saudável também, ou seja, a companhia possui caixa líquido positivo de R$ 248 milhões.

neogrid endividamento.jpg Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: Press Release 1T21 Neogrid

Por fim, vale ressaltar que a companhia mantém relacionamento com grandes fornecedores para manter as suas atividades e continuar ofertando os seus serviços/produtos.

Dentre eles, destacam-se: Embratel, Vivo, Opservices TI, Software AG, Level 3, Neogrid Datacenter, Equinix, Livechat, Logmein, Comparex, Compugraf, HP, Microstrategy, Ecore, NF-E (Dinamo), AWS e Microsoft.

Além disso, a empresa tem parceria com a Dell computadores e Sercompe.

Histórico de aquisições e aquisição da Smarket em 2021

A Companhia comunicou ao mercado em 22 de março de 2021, que adquiriu através da sua controlada Neogrid Informática Ltda. a totalidade do capital social da Smarket Solutions Software de Apoio a Gestão EIRELI, bem como dos direitos de subscrição ou opção de compra de quotas dos investidores da empresa adquirida.

Fundada em 2013 e sediada em Florianópolis, a Smarket possui uma plataforma com ferramentas de gestão e criação de promoções e trade marketing. Por meio de inteligência de dados, oferecendo soluções que facilitam a tomada de decisões mais seguras e estratégicas no dia a dia do varejo.

Mas não é de hoje que essas aquisições vêm acontecendo. A companhia tem um histórico de compras para crescer desde 2007. E ela precisa disso, pois é uma dinâmica do setor e necessário para continuar ganhando mais Market Share.

Em 2007, a Neogrid realizou sua primeira aquisição estratégica, a Mercador, companhia especializada na implementação de projetos de integração e portais colaborativos, que pertencia à Telefônica.

Um ano depois, a Neogrid deu mais um grande passo. Iniciou seu processo de internacionalização com a compra da Agentrics, empresa americana de software para redes de varejo presente, na época, em mais de 24 países, tendo como clientes Carrefour, Casino, Best Buy, Diageo e Walgreens.

Ainda em 2008, a Neogrid adquiriu também a VivaCadena, empresa holandesa que fornecia algoritmos para reposição de estoque baseado em Demand Driven, e a XPLAN Business Solutions, voltada à consultoria para cadeia de suprimentos. A Neogrid passava, então, a ter presença global, com escritórios nos Estados Unidos, Inglaterra, Holanda e Japão.

Em 2012, atingiu a marca de R$100 milhões em receita líquida. No ano seguinte, realizou sua quinta aquisição e incorporou a provedora de software fiscal G2KA Sistemas, que trazia soluções de Nota Fiscal Eletrônica (“NF-e”), Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (“NFS-e”), Conhecimento de Transporte Eletrônico (“CTe”) e gestão de entrada de documentos e atendia mais de 3 mil clientes. A sexta aquisição veio em 2014, com a incorporação da BIS Company, fornecedora de soluções de visibilidade de estoque e vendas para indústria e varejo.

Em 2018, a Neogrid realizou mais uma operação no mercado de tecnologia brasileiro ao anunciar a aquisição da Accera. Essa transação trouxe maior inteligência às suas soluções e possibilitou uma expansão significativa de sua rede de dados e ecossistema de negócios.

neogrid automacao Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Perspectivas do setor

A indústria de software/IT começou a se desenvolver mais fortemente a partir da década de 1990, consolidando-se em diversas geografias conforme os computadores se tornaram parte fundamental da vida cotidiana de pessoas e empresas ao redor do mundo.

Por outro lado, é estranho pensar que este mercado tem crescido “pouco” ao longo dos anos, certo? Enquanto outros mercados de tecnologia cresciam ou ainda crescem a dois dígitos, o de TI cresceu a um CAGR de 6% de 2004 até 2019.

neogrid crescimento Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: ABES

Cresce? Sim. Mas a um “pace” muito tranquilo para tecnologia (a meu ver). Só aconteceu isso com TI? Não. Notem como software também cresceu a um CAGR de 5,3% no mesmo período.

software Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: ABES

Sabe como foi o crescimento da indústria de games de 2001 até 2020? Um CAGR de 11%.

cinema e musica Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: XP Investimentos

Apesar disso, o mercado endereçável é interessante e o Brasil ainda está bem atrás de vários outros países na parte de TI. Analisando a participação de cada país no mercado de TI global, em 2019, percebe-se que os EUA possuíam uma posição consolidada, com um mercado de cerca de US$ 871 bilhões, seguidos pela China (US$ 263 bilhões) e Japão (US$ 148 bilhões).

O Brasil ocupava, em 2019, a 10ª posição no ranking, com um tamanho de mercado de US$ 43 bilhões.

mercado de ti Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: ABES

Sabe-se que a participação dos subsegmentos no mercado total de TI em cada país varia e está correlacionada com o nível de desenvolvimento e penetração de ferramental tecnológico.

Países menos desenvolvidos, no geral, possuem um subsegmento de Hardware mais predominante do que os de Software e Serviços.

Sendo assim, até 2019 e segundo a ABES, o Brasil era 53% hardware, 31% serviços e 25% software. Isto indica que, existe um espaço de crescimento para Software e Serviços no país.

Outro ponto que pode pesar positivamente, é o fato do e-commerce está nascendo no país. Comparado com outras localidades que já estão em um ritmo mais acelerado.

Essa transformação que vêm acontecendo e a aceleração que a pandemia trouxe para muitos “player”, torna os serviços oferecidos pela Noegrid uma necessidade para quem quer ganhar escala e operar de forma mais otimizada.

O e-commerce brasileiro, em 2019, segundo a Euromonitor, totalizou US$19,0 bilhões em vendas. Ao comparar com níveis estrangeiros de penetração do e-commerce no setor de varejo, observa-se que o mercado brasileiro apresenta um potencial de aumento da penetração em relação ao apresentado por outros países.

Segundo a Euromonitor, as projeções indicam que o e-commerce brasileiro alcance, em 2024, uma participação de 13,8% no mercado total de varejo brasileiro, comparado a uma participação de 7,6% em 2019.

e commerce Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: Euromonitor

Estratégias de crescimento

 Ampliar exploração da plataforma Neogrid

No curto prazo, a companhia está desenvolvendo diversas frentes de desenvolvimento e inovação que buscam melhorar ainda mais nosso portfólio, sendo algumas delas: (i) sincronização de estoque e pagamentos para redes de franquias de nossos clientes; (ii) fornecimento de análises de consumo e preços com base em indicadores macroeconômicos; entre diversos outros.

No longo prazo, o foco está sendo no mapeamento de potenciais áreas que a companhia tem para atuar, como: agronegócio, healthcare, serviços financeiros e outros.

M&A complementares para o portfólio

A companhia comenta que pretende continuar procurando por novas oportunidades que possam ampliar a sua base de clientes, aumentar a receita recorrente e que forneçam novos serviços ou produtos complementares no longo prazo.

Intensificar a expansão internacional

A companhia tem clientes no Brasil, Estados Unidos e Europa, o que permite com que ela estenda suas operações para outros países mais facilmente e replique modelos que já deram certo em outras regiões.

Fatores de Riscos

M&A que não agreguem para a companhia

Esse é um setor que vai precisar fazer M&A como um caminho para crescer. Qualquer compra equivocada ou que não gere um retorno dentro das expectativas da companhia, poderá causar consequências significativas ao seu resultado futuro.

Outorga de ações de executivos e diretores

A companhia tem um plano de outorga de opções de compras de ações, que caso exercidos, podem diluir os demais acionistas. Até a data do último Formulário de Referência (31/05/21), haviam sido outorgadas opções correspondentes a 8.909.327 ações (3,7% do free float).

Além disso, como muitos diretores e executivos participam deste plano, eles têm boa parte do seu ganho vinculado ao valor das ações no mercado, o que pode se configurar em maior foco em resultados no curto prazo, se divergindo dos interesses da companhia no longo prazo.

Aumento de carga tributária

A companhia pode sofrer pressões no seu modelo de negócio e até mesmo perdas em caso de aumento de carga tributária. Uma vez que, muitos dos seus clientes são varejistas e distribuidores que podem acabar sendo prejudicados em caso de um aumento em tributos estaduais ou interestaduais.

BackOffice Terceirizado

A companhia possui um backoffice terceirizado, desde links de internet, telefonia fixa e móvel, até softwares de operação da produção da empresa (como banco de dados e a nuvem).

Logo, qualquer interrupção nessas operações, vazamento ou mal uso das ferramentas, podem ocasionar impactos adversos no resultado futuro da companhia.

Mercado altamente competitivo

A companhia atua em um setor bastante competitivo, com pares bem maiores e que podem produzir novas tecnologias que substituam as atuais da companhia.

neogrid valuation Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Valuation e conclusão

Apesar de o case ser bastante interessante e ter vários benefícios para os próximos anos, vide a aceleração do e-commerce, boa gestão e caixa líquido positivo para aquisições. Não consegui achar o valuation atual tão atrativo assim.

Afinal, estamos falando de uma companhia que negocia a quase 100x lucros, 20x ev/ebitda e 5x price to sales para 2021. Sim, estamos falando de uma empresa “tech”. Porém, o crescimento tem sido modesto nos últimos anos, como eu comentei na parte dos resultados.

neogrid preco.jpg Conheça a Neogrid (NGRD3): soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos

Fonte: Press Release 1T21 Neogrid

Além disso, o crescimento do seu setor, também foi de um crescimento modesto, que até conversou bem com o que ela entregou nos últimos anos. Mesmo se crescesse 100%, ainda negociaria a um 59x lucros e 12x EV/EBITDA e 3,5x P/S.

No entanto, é neste ponto que está a grande “questão”. Teria de crescer 100% ou até mais, para começar a justificar um múltiplo tão esticado.

Além disso, eu projeto um crescimento parecido com a média dos últimos anos e jogando um pouco mais para baixo, procurando margem de segurança, já que não tem como saber ao certo quem ela pode comprar nos próximos meses ou anos.

E pegando gancho em aquisições. Pelo histórico de M&A, acho que é o caminho que a companhia tem para continuar crescendo. Principalmente, se o plano for entrar em setores que ela não atua hoje com força, como healthcare, agronegócio e serviços financeiros.

Mas vale contar com esse ovo? Talvez. Se ela virar uma Ambipar da vida, que fez cerca de 15 aquisições desde o IPO, aí sim. Mas é outro “se” no case. Eu? Sigo monitorando-a de perto, tudo pode acontecer neste mercado.

Gostou do artigo? Selecionamos também outras leituras para aprofundar ainda mais seu conhecimento no mercado:

Conheça o mapa dos IPOs 2021

O que move o preço do dólar?

Commodities e agronegócio: 8 empresas de destaque da bolsa brasileira

Praticar tênis é uma aula de investimento

5 posts

Sobre o autor
Formado em Administração pela FAESA e MBA em Ações e Stockpicking pela Ibmec, com 5 anos de experiência no mercado financeiro. Sou entusiasta desse mercadão desde a adolescência e de música! Além de tocar guitarra nas horas vagas, curtir um videogame e o uma boa leitura. Fui ex-estrategista da Avenue Securities e atualmente, sou sócio e analista da VGR Asset.
Artigos
Posts relacionados
NotíciasAnálise & Opinião

5 aplicativos para organizar seu dinheiro

6 Minutos de leitura
Ações

Commodities e agronegócio: 8 empresas de destaque da bolsa brasileira

8 Minutos de leitura
Ações

Setor de tecnologia: um mercado em expansão no Brasil

10 Minutos de leitura