Café com TradeAções

O que é Oferta Pública de Aquisição (OPA)?

2 Minutos de leitura
O que e Oferta Publica de Aquisicao OPA O que é Oferta Pública de Aquisição (OPA)?

A oferta pública inicial (IPO) já é um conceito popular entre os investidores e se refere ao lançamento de uma empresa na bolsa de valores. No entanto, também existe a possibilidade de fazer o caminho inverso, pela oferta pública de aquisição (OPA).

Isso significa que, após ser listada na bolsa, a empresa não tem a obrigação de se manter para sempre. Mas a saída é um processo complexo, que necessita de muitos estudos por parte das companhias, já que afeta significativamente a sua estrutura.

Quer entender melhor como funciona a oferta para a saída da bolsa? Continue a leitura para conferir!

O que é OPA?

Quando uma empresa lança o IPO, ela passa a ter o capital aberto e pode receber investimentos dos acionistas. Por outro lado, a OPA é a etapa realizada para o fechamento de capital da companhia. Ou seja, a sua saída desse mercado.

Geralmente, ela parte do intuito do acionista majoritário ou do grupo controlador em obter um controle maior da empresa por meio da compra dos papéis dos sócios minoritários.

Apesar de ser mais comum para o fechamento de capital, a OPA também pode ter a função de concentrar mais o controle da empresa. Assim, pode acontecer a compra de um grande lote das ações disponíveis na bolsa, sem resultar em fechamento de capital.

Como ocorre uma oferta pública de aquisição?

A OPA é realizada dentro das normas da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Nesse sentido, é importante atentar aos procedimentos para evitar prejuízos aos acionistas minoritários. Logo, a empresa precisa divulgar amplamente a sua OPA.

Na sequência, deve solicitar a autorização da CVM. Caso o pedido seja aprovado, o passo seguinte é se submeter a uma avaliação especializada para determinar o valor dos papéis, com o objetivo de se chegar a um preço justo.

O preço depende da aprovação da maior parte dos acionistas. Se houver a reprovação de 10% ou mais dos investidores, a proposta precisa ser reavaliada. Assim, a OPA só é concretizada quando — e se — houver acordo entre as partes.

Por que a OPA acontece?

Como vimos, a OPA pode ser realizada para fechar o capital de uma empresa ou para aumentar o seu controle. Há diversas razões pelas quais uma companhia pode optar pela operação.

Por exemplo, quando ela não necessita mais do financiamento de projetos pelos investimentos. Outros motivos que levam a essa decisão podem ser a perspectiva de bons resultados no futuro e as ações muito descontadas.

Por que vale a pena conhecer o conceito?

Se você investe em ações, é importante compreender o que é a OPA. Afinal, a ocorrência dela pode ter um impacto em sua carteira e trazer a necessidade de um rebalanceamento. Ao conhecer o procedimento, o investidor pode se organizar para evitar efeitos negativos no portfólio.

Além disso, é preciso considerar que o fechamento de capital de uma empresa não afeta apenas os seus acionistas. Existe também uma chance de enfraquecimento do setor que atua na bolsa, com a menor oferta de ativos.

Agora que você já sabe o que é a oferta pública de aquisição, pode se posicionar caso algum dos seus ativos passe por esse processo. Ter atenção para essa possibilidade ajudará a evitar efeitos indesejados.

Viu como é importante acompanhar os ativos da sua carteira? Confira também dicas para investir em empresas de qualidade na bolsa de valores!

17 posts

Sobre o autor
Formado em Administração pela PUC Minas, com 10 anos de experiência no mercado financeiro, entre banco e corretora de investimentos. Investidor de ações para o longo prazo, com foco em análise fundamentalista e em busca da Independência Financeira. Atualmente sou assessor de investimentos e sócio da Valor Investimentos.
Artigos
Posts relacionados
Ações

Ações de bancos: conheça as principais empresas do setor bancário na bolsa

7 Minutos de leitura
Ações

Mercado de petróleo: como funciona e principais empresas do mundo

4 Minutos de leitura
Ações

Conta de luz cara? Veja os impactos nas ações de empresas de energia!

7 Minutos de leitura
×
Ações

Setor de tecnologia: um mercado em expansão no Brasil